Definido por Philip Kotler, considerado o pai do Marketing, como “o processo social por meio do qual pessoas e grupos de pessoas satisfazem desejos e necessidades com a criação, oferta e livre negociação de produtos e serviços de valor com outros”. Quando se trata de marketing digital, o conceito é muito mais amplo, visto que a internet é um terreno de infinitas possibilidades. Ele se dá por meio de ferramentas como redes sociais, landing pages, sites e e-mail marketing. 

O Marketing Digital pode ser desenvolvido e implementado por empresas, pessoas, hospitais, universidades, ONGs, entre muitos outros. Afinal, hoje em dia, a maior parte da população está na internet. Assim, também há fatores culturais, psicológicos, geográficos, jurídicos que influenciam as pessoas na hora de comprar ou vender um produto ou serviço.

Foi na década de 1990 que a internet começou a se popularizar e surgiram os primeiros sites de busca e softwares de comunicação. Nessa mesma época o Google começou a se mostrar onipresente para quem navegava nas ondas cibernéticas. A partir daí, novos termos foram surgindo nos dicionários, como por exemplo, o marketing digital. 

Aprofundando no marketing digital


A melhor maneira de fortalecer uma marca, divulgá-la e fidelizar clientes, é utilizando as técnicas digitais do marketing que são desenvolvidas por meio de metas. Hoje em dia, a tecnologia está tão avançada que é possível ter retorno de vendas, engajamento, métricas em tempo real, e assim alinhar e adequar a estratégia necessária para alcançar determinado objetivo. Dentre o grande e vasto mundo do marketing digital existem personagens muito importantes: a persona, os leads, CTA, funil de vendas e SEO. 

Persona
A persona é construída a partir dos consumidores reais, mas é um perfil quase fictício, porém detalhado e muito analisado para que as estratégias sejam desenhadas e aplicadas para atingir o público certo.

Leads
Os leads são contatos que, por meio de uma estratégia realizada de marketing digital, são fisgados para seu sistema, e faz com que você direcione o conteúdo para quem realmente quer consumi-lo. 

CTA
CTA é uma sigla em Inglês que significa Call to Action (em tradução livre seria um convite para agir). Isso significa que são chamadas essenciais que vão convidar o público interessado a ir até onde a empresa deseja que ele vá, por exemplo, um “Assine nossa revista semanal”, “Arraste para cima e saiba mais”. Exemplo descomplicado: link interno

Funil de vendas
O funil de vendas também pode ser conhecido como a Jornada do Consumidor, ou seja são as etapas que o consumidor passa desde o olhar para o produto/serviço até a efetuação da compra.

SEO
De novo, do Inglês, SEO (Search Engine Optimization) é a otimização para sites de busca. São detalhes e ações que aplicados aos textos facilitam com que os mecanismos de busca apresentem como fontes confiáveis e em primeiro lugar para quem procura por determinado assunto

blog

Voto feminino: a importância de se votar em mulheres

25/02/2021

Voto feminino: a importância de se votar em mulheres

redes@descompli.ca |

+55 (61) 99870-1525 / 3686-1476

Fale Conosco