Se permita a dúvida, sempre

É natural, é um contexto desafiador. Não teria como ser muito fácil. O isolamento potencializa as relações e as emoções, tanto as positivas quanto as negativas. Esse foi o início do bate-papo da live da @agdescomplica do dia 15/5, com a terapeuta integrativa, multiterapeuta da @vagalumeterapias, Iana Meireles.

Iana acredita em uma grandiosa força amorosa que nos conduz, queira você chamar de Deus, de inconsciente coletivo, o que quiser chamar. Como um pai amoroso dando limites, que ensina aos filhos por meio do sofrimento, o universo é muito amoroso e gentil conosco. “Para que possamos ser melhores, mesmo as lições duras são de amor. A compreensão disso fica muito evidente quando temos crianças por perto. São os pais dando limites e ensinando a sobreviver no mundo. Os mestres severos e rígidos são os mais amorosos”, aponta.

Assim como seus pacientes, Iana deixou um dever de casa para quem tem acompanhado as lives que era entrar em contato com as nossas verdades e certezas mais ferrenhas e permitir que duvidássemos delas. Passar pelo teste da dúvida para vermos se tinha alguma coisa perdida nessa dúvida. “Para mim, como aquariana, isso é imprescindível. Tenho grandes chances de fazer isso, aplico para mim com quase tudo, sobretudo nos meus julgamentos. Faço isso das mínimas até as mais sérias questões e isso me ajuda a me retirar da posição de já saber a resposta de todos. Permite a humildade de perceber o quanto estava errada sobre as pessoas”, observa.

A terapeuta relembrou uma teoria que mostra que o nosso cérebro apreende 40% do que vive e ouve, isso em um dia bom, sem distrações. Quando estamos em sofrimento, isso cai para 10% da atenção ao meu redor. Ou seja, 90% da minha atenção está voltada para mim mesmo, para os meus conteúdos internos, por isso ouvimos diferente do que as pessoas falam. “O meu repertório interno está respondendo ao que foi ouvido. Nosso foco emocional vai para o que já está dentro de nós. Tem grandes chances do nosso julgamento do mundo estar errado. Quando você se permite a dúvida, tem chance de aumentar essa proporção de verdade. Aplico isso para tudo, com minha relação com as pessoas, ver todos os prismas, colocar sempre um “e se””, pondera.

Esse exercício é muito importante, sobretudo neste momento em que estamos praticando o isolamento social. Lembrando que, dentro desses 10% que estamos retendo, incluem-se: nossos filhos, nossos pais, nosso trabalho, todos os problemas da humanidade. Ou seja, há uma grande chance da nossa impressão estar errada. Além do que, os ruídos de comunicação estão altíssimos, estamos vivenciando conteúdos desafiadores, enfim. É um cenário perfeito para a confusão. Eu quis dizer uma coisa e o outro ouviu e entendeu outra coisa”, explica Iana.

Uma boa notícia em meio ao caos é que Mercúrio está entrando em Gêmeos nesta semana e, dessa forma, as pessoas estarão mais falantes, mais comunicativas. Há mais chances das pessoas falarem mais, com mais clareza, com mais vontade. E, com isso, conseguirão se comunicar melhor. “Mas esses distúrbios de comunicação diminuem quando exercitamos a dúvida”, observa.

Para Iana, a melancolia ficou para trás e agora estamos com os problemas de comunicação. Em contrapartida, nos darmos conta disso e teremos mais zelo pelo que falamos. “Aquilo que já era muito radical está perdendo a força. Quem achava que entendia tudo, está se dando conta disso e, com mais clareza, está revendo suas certezas, percebendo os ruídos e tentando minimizar esses problemas de comunicação. Saturno e Plutão retrógrados, as revisões das crenças estarão a todo vapor até final de junho.

____________________________________
Diante da pandemia da Covid-19 que tomou conta de todo o mundo nas últimas semanas, nós da Agência descomplica resolvemos aproveitar essa oportunidade no nosso canal no instagram para fazermos lives com nosso público. A ideia é estabelecer pontes, traçar caminhos de harmonia e diálogo com temas que não só dizem respeito à crise, empreendedorismo, pequenos negócios, mas também de como enfrentarmos esse momento de forma mais equilibrada, tanto financeiramente quanto física e psicologicamente.

Gostou do texto? Então, confira o bate-papo completo com a Iana Meireles, no nosso canal do YouTube. Compartilhe, espalhe essa mensagem! Quanto mais pessoas tiverem acesso, mais tranquila e bem informada será a quarentena de todos.

Leave a Reply